Soroprevalência da Brucelose em Bovinos Abatidos no Município de Maceió, Estado de Alagoas

  • Bruno Cavalcanti Silva Cesmac
  • Rayssa Robertta Góes Brandão Cesmac
  • Marcus Túlio Jatobá dos Santos Cesmac
  • Fracisco Feliciano da Silva Junior Cesmac

Resumo

A brucelose bovina é uma antropozoonose de ampla distribuição, responsável por consideráveis perdas econômicas. Tendo em vista as dificuldades de diagnóstico na linha de abate para brucelose bovina, objetivou-se avaliar a soroprevalência da Brucella abortus em bovinos abatidos na região de Maceió. Foram avaliadas 400 amostras de sangue pelo teste do Antígeno Tamponado Acidificado (ATA) e 2-mercaptoetanol (2-ME). Das 400 amostras, 11 (2,75%) foram positivas ao ATA e 10 (2,5%) ao 2-ME. A vigilância epidemiológica da brucelose bovina em frigoríficos, por meio de métodos diagnósticos eficientes, deve ser avaliada como possível método de controle de qualidade da carne bovina.
Publicado
Abr 13, 2013
##submission.howToCite##
SILVA, Bruno Cavalcanti et al. Soroprevalência da Brucelose em Bovinos Abatidos no Município de Maceió, Estado de Alagoas. REVISTA SEMENTE, [S.l.], v. 6, n. 6, abr. 2013. ISSN 1980-8607. Disponível em: <http://revistas.cesmac.edu.br/index.php/semente/article/view/149>. Acesso em: 11 dez. 2018.
Seção
Artigos