GESTÃO DA QUALIDADE E DA PRODUÇÃO: Análise comparativa entre o PDCA e o DMAIC

  • Cláudio Filipe Lima Rapôso Universidad Autonoma del Asuncion (UAA)
  • Paola Aragão Ferreira Silva Universidad Autonôma de Asunción - PY
  • Haniel Melo de Lima Universidad Autonôma de Asunción - PY
  • Waldecy Ferreira de Oliveira Junior Universidad Autonôma de Asunción - PY
  • Elaine de Souza Barros Universidad Autonôma de Asunción - PY
Palavras-chave: Six Sigma, DMAIC, PDCA

Resumo

Em um sistema globalizado e a disputa entre mercados em todo mundo desenvolveu a necessidade de produtos fabricados de forma precisa e padronizada, prezando pela qualidade requisitada pelo cliente. Logo essas técnicas foram difundidas pelas grandes indústrias no mundo. Dessa forma, ao citar essas técnicas o trabalho tem como objetivo uma análise dessas técnicas avançadas e suas aplicabilidades na indústria moderna. O presente trabalho busca uma abordagem comparativa das sobre as técnicas DMAIC e o PDCA na busca entender a importância para o mercado industrial, a busca do conhecimento dessas ferramentas para o profissional e gestores no século XXI. Destaca-se que o PDCA se aplica em todas as áreas no processo administrativo e produtivo, já o DMAIC aplica-se em problemas complexos e muitas vezes não observados facilmente. Concluindo que as duas ferramentas, apesar de homologas são importantes para aplicação da qualidade no contexto empresarial.

Biografia do Autor

Paola Aragão Ferreira Silva, Universidad Autonôma de Asunción - PY

Mestranda em Administração de Empresa – Universidad Autonôma de Asunción - PY
Especialista em Gestão de Pessoas – Universidade Estadual Vale do Acaraú – UVA
Bacharelado em Administração – Faculdade Luciano Feijão - FLF
Coordenadora do Curso de Administração da Faculdade Ieducare - FIED

Haniel Melo de Lima, Universidad Autonôma de Asunción - PY

Mestrando em Administração de Empresa - Universidad Autonôma de Asunción - PY
Especialização em Gestão Comercial - Uninter
Graduação em Administração – Universidade Tiradentes

Waldecy Ferreira de Oliveira Junior, Universidad Autonôma de Asunción - PY

Mestrando em Administração de Empresa - Universidad Autonôma de Asunción - PY
Especialização em Gestão Comercial - Uninter
Graduação em Administração – Universidade Tiradentes

Elaine de Souza Barros, Universidad Autonôma de Asunción - PY

Mestrando em Administração de Empresa - Universidad Autonôma de Asunción - PY
Especialização em Finanças e Gestão Corporativa- Universidade Candido Mendes (UCAM)
Graduação em Ciências Contábeis – UniverCidade

Referências

ANDRADE, F. F. O MÉTODO DE MELHORIAS PDCA. Dissertação. São Paulo: USP, 2003.
CORREA, H. L. Administração da produção e operações – manufatura e serviços: uma abordagem estratégica. São Paulo: Atlas, 2004.
FAYOL, Henri. Administração industrial e geral. São Paulo: Atlas, 1981.
FORD, H.. My life and Work. New York: Doubleday, 1922.
MOURA, L. R. Qualidade Simplesmente Total: uma abordagem simples e prática da Gestão da Qualidade. Rio de Janeiro: Qualitymark Ed., 1997.
RAPOSO, C. F. L; SILVA, M. L. Gestão da qualidade e da produção: Integração de técnicas avançadas e suas aplicabilidades na indústria moderna. Revista Científica Do Instituto Ideia, Rio de Janeiro, 2017.
SLACK, N; CHAMBERS, S; JOHNSTON, R. Administração da Produção. 3ª Ed. São Paulo: Editora Atlas S.A., 2009.
SUZUKI, M. Implementation of Project management based os QES and those Issues in japanese construction industry and in Kumagaigumi. In: INTERNACIONAL CONFERENCE ON IMPLEMENTATION OF CONSTRUCTION QUALITY AND RELATED SYSTEMS, Lisboa, 2000.
TAYLOR, F. W. Princípios de Administração Científica. São Paulo: Atlas, 1966.
WERKEMA, C. Lean Seis sigma. 1. ed. Minas Gerais: Elsevier, 2011.
Publicado
2019-08-09