GESTÃO DEMOCRÁTICA NO AMBIENTE ESCOLAR

  • Ivanete Pedrosa Da Silva Secretaria de Educação do Estado de Mato Grosso
  • Ivonete Ramalho Piccoli Secretaria de Educação do Estado do Mato Grosso
  • Liamara Da Silva Teixeira Secretaria de Educação do Estado do Mato Grosso
Palavras-chave: Comunidade Escolar, Educação, Gestão Participativa

Resumo

Esta pesquisa tem como objetivo analisar as questões políticas e pedagógicas que permeiam as relações do corpo docente da Escola Estadual de Currupira distrito do Município de Barra do Bugres/MT com o gestor, para entender de que forma essas relações interferem na efetiva implantação da gestão democrática, fundamental para o devido desenvolvimento dos educandos da sociedade contemporânea. Pretende, ainda, refletir sobre a gestão democrática nas escolas da rede pública e o papel do gestor no sentido de garantir a participação da comunidade escolar nas decisões de âmbito pedagógico, financeiro e administrativo, trazendo os diversos instrumentos que favorecem esta participação. Os resultados enfatizam a importância da gestão democrática para a qualidade do ensino e mostram que, embora já tenham acontecido importantes avanços, ainda existe uma necessidade de se aprofundar a compreensão em torno da temática, ampliar os espaços de discussão e unir esforços na luta por uma efetiva gestão democrática, condição fundamental para a melhoria da qualidade na educação.

 

 

Referências

BRASIL, Constituição (1988). Constituição da República Federativa do Brasil. São Paulo: Saraiva, 2006.

BRASIL, Ministério da Educação e Cultura. Lei nº 9.394 de 20 de dezembro de 1996.

Diário Oficial da República Federativa do Brasil. Brasília, DF, v.135, n. 24,20 dez. 1996.

BRASIL. Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional - Lei 9.394/1996.
GUEDES SILVA, Nilson Robson. A PARTICIPAÇÃO DA COMUNIDADE NA ESCOLA: EM BUSCA DA DEMOCRACIA NA EDUCAÇÃO. Revista de Educação do Vale do São Francisco-REVASF, v. 5, n. 9, p. 70-88, 2016.

LIBÂNEO, J.C. Educação Escolar: políticas, estrutura e organização Coleção docência em formação. Série saberes pedagógicos. 3. ed. São Paulo: Cortez, 2006.

LIBÂNEO, José Carlos. Organização e Gestão da Escola: Teoria e Prática. Ed. 5. Goiânia: Alternativa, 2004

LÜCK, Heloisa. A evolução da gestão educacional a partir de mudança paradigmática. Revista Gestão em Rede, n. 3, p. 13-18, 1997.

PONTES, Edel Alexandre Silva. O PROFESSOR ENSINA E O ALUNO APRENDE: QUESTÕES TEÓRICAS NO PROCESSO DE ENSINO E APRENDIZAGEM DE MATEMÁTICA. RACE-Revista da Administração, v. 4, p. 111-124, 2019.
Publicado
2019-12-30