Educação de Jovens e Adultos - (EJA): Uma Análise do Processo de Ensino-Aprendizagem a partir da Construção Prática dos Sólidos Platônicos na Escola Estadual Júlia Bittencourt no Município de Manaus - AM - Brasil

  • João Lúcio Campos da Silva Universidad Autónoma de Asunción - UAA
  • Clara Roseane da Silva Azevedo Mont’Alverne Secretaria Executiva de Educação do Estado do Pará - SEDUC
Palavras-chave: Educação de Jovens e Adultos, Geometria, Materiais concretos.

Resumo

O presente artigo tem como tema: Educação de Jovens e Adultos (EJA): Uma análise do processo de ensino-aprendizagem a partir da construção prática dos Sólidos Platônicos na Escola Estadual Júlia Bittencourt no Município de Manaus-Am-Brasil. Será abordada a importância do desenvolvimento de práticas construtivas por meio da utilização de materiais concretos nas aulas de Matemática. Busca investigar as contribuições da utilização de materiais concretos como uma nova proposta metodológica para o ensino dos Sólidos Platônicos na Educação de Jovens e Adultos-EJA, fase II, turma 04, turno noturno, da Escola Estadual Júlia Bittencourt situada em Manaus- Amazonas. Para tanto, será analisada as metodologias aplicadas pelo professor da EJA e, em especial, a ação de propor a experiência com atividades concretas como metodologia de ensino para aulas de Geometria Platônica. Esse estudo tem como objetivo analisar como a construção prática impactaria concretamente na assimilação do conteúdo abordado, fazendo com que o aluno conseguisse fixar o entendimento teórico. A metodologia eleita para o desenvolvimento desta pesquisa é a pesquisa qualitativa, que utiliza o método fenomenológico. Concluindo assim que, as aulas se tornam mais dinâmicas, atrativas e diversificadas, sem perder as referências metodológicas e didáticas elencadas no que determinam os documentos oficiais da Educação Básica.   

 

Biografia do Autor

João Lúcio Campos da Silva, Universidad Autónoma de Asunción - UAA

Graduado em Licenciatura Plena em Matemática (2010). Especialista em Metodologia do Ensino da Matemática (2014). Professor de Matemática na rede estadual do Estado do Amazonas, no município Manaus. Mestrando em Ciências da Educação pela Universidad Autónoma de Asunción-UAA, Paraguai- (PY). E-mail: João_lucio@hotmail.com

Clara Roseane da Silva Azevedo Mont’Alverne, Secretaria Executiva de Educação do Estado do Pará - SEDUC

Doutora em Ciência da Educação pela Universidad Autônoma de Asunción - UAA (2011). Mestre em Serviço Social pela Universidade Federal do Pará -UFPA (2006). Especialista em Educação na Perspectiva do Ensino Estruturado para Autistas (2015). Especialista em Administração Escolar - UCAM (2005). Especialista em Ensino Superior pela Universidade da Amazônia - UNAMA (2001). Graduada em Licenciatura Plena em Pedagogia pela Universidade da Amazônia - UNAMA -1989 -. Pedagoga da Secretaria Executiva de Educação do Estado do Pará-SEDUC (1993). Pedagoga da Coordenação da Educação Especial - COEES (2012). E-mail: clarazevedo@globo.com

Referências

Brasil, (1997). Parâmetros curriculares Nacionais de Matemática: Ensino Fundamental. Brasília: MEC-SEF.

______(1998). Ministério da Educação. Parâmetros curriculares nacionais: matemática. Brasília: SEF, 114P.

_____ (2000). Ministério da Educação. Parecer nº: CEB 11/2000. Brasília: MEC. Disponível em:. Acesso em: 24 de outubro 2019.

______ (2014). Plano Nacional de Educação (PNE). Lei n° 13.005, de 25 de junho de 2014. Disponível em: http//:www.planalto.gov-br/ccivil_03/_ato2011-2014/2014/lei 11.005.htm. Acesso em: 24 de outubro de 2019.

______ (2017). Base Nacional Comum Curricular educação infantil e ensino fundamental. Brasília: Ministério da Educação.

Calçade, A. F. (2018). O que mudou na Educação na era Vargas? Veja infográfico. Rev. Nov. Esc, São Paulo. Disponível em:< https://novaescola.org.br/conteudo/12648/o-que-mudou-na-educacao-na-era-vargas>. Acesso em: 4 de abril de 2019.

Carneiro, M. A. (2018). LDB fácil: Leitura crítico-compreensiva, artigo a artigo. 24ª ed. Petrópolis, Rio de Janeiro, RJ: Vozes.

Pontes, E. A. S., Pontes, E. G. S., da Silva, R. C. G., & da Silva, L. M. (2018). Abordagens Imprescindíveis no Ensino Contextualizado de Matemática nas Séries Iniciais da Educação Básica. RACE-Revista de Administração do Cesmac, 1, 3-15.

Ribeiro, R.; Catelli J.; Haddad, S. (2015). A avaliação da EJA no Brasil: Insumos, processos, resultados. Brasília: Instituto Nacional de estudos e pesquisas educacionais Anísio Teixeira.

Santos, A.M.A dos. (2015). A utilização de materiais concretos para o ensino da Geometria Plana e Espacial: um estudo de caso – Dissertação de Mestrado – PROFMAT – Universidade Federal do Vale do São Francisco, Campus Juazeiro – Bahia.

Silva, J. B. (2016). Concepções de professores de Matemática em relação ao Ensino de Geometria nas escolas municipais de Jacaraú/ PB: uma investigação à luz dos PCN. Monografia de conclusão de curso em educação (Graduação)– UFPB/CCAE. Paraíba.

Sousa, J.R. (2015). Matemática 9º ano: Compreensão e prática. 2ª ed. São Paulo: FDT.

Sousa, J.R. (2019). Novo olhar: Matemática. 4ª ed. São Paulo: FDT.
Publicado
2020-12-31