Projetos Educacionais Dentro das Aulas de História para Alunos do 6º e 7º ano da Escola Fundamental Francisco Tembé Como Forma de Preservação da Língua Materna Indígena da Aldeia Cajueiro da Tribo Tembé de Paragominas - PA

  • Heron Franklin Pinheiro Rodrigues Universidad Autónoma de Asunción – UAA
Palavras-chave: língua materna, identidade cultural, projetos e perda de identidade.

Resumo

Pretende-se mostrar nesta pesquisa, a problemática em torno dos projetos educacionais e sua eficácia na valorização e preservação dos valores culturais. A aplicação deste se deu para os alunos do 6º e 7º ano da Escola de Ensino Fundamental Francisco Tembé da aldeia Cajueiro do Município de Paragominas do Pará. Era perceptível o interesse que as crianças do primeiro ciclo tinham pelas aulas de seu dialeto, pois durante o tempo em que foi realizado trabalho, era fácil observar os discentes interagindo de forma construtiva com a professora de língua indígena, todavia era notória que o aluno índio ao chegar a uma determinada faixa etária, começava a perder o interesse pela sua língua materna, tal situação levou-nos a uma indagação, se os Projetos escolares de valorização cultural são ou não importantes para resgate e valorização da língua materna?  A pesquisa determinou-se de forma qualitativa descritiva, pois envolve métodos qualitativos para a obtenção de uma análise mais profunda do assunto da pesquisa. Esse tipo de tarefa permite um cruzamento de dados maior, e o valor da pesquisa cresce juntamente com a validação das informações com o objetivo de trazer à luz as hipóteses propostas.

 

Referências

BERGAMASCHI, Maria Aparecida & MEDEIROS, Juliana Schneider. História, memória e tradição na educação escolar indígena: o caso de uma escola Kaingang. Revista Brasileira de História On-line version ISSN 1806-9347. Rev. Bras. Hist. Vol.30 no.60 São Paulo 2010. http://dx.doi.org/10.1590/S0102-018810000200004.

BITTENCOURT, Circe Maria Fernandes. O ensino de história para populações indígenas. Em Aberto, Brasília, n.63, p.105-116, jul.-set. 1994.
BRASIL. Ministério da Educação, 1998, cit., p.195.

CHIAVENATO, Adalberto. Planejamento Estratégico: Fundamentos e Aplicações. Ed, Elsevier LTDA. Rio de Janeiro 2004

NOGUEIRA, Nildo Ribeiro. Pedagogia de projetos: Uma jornada Interdisciplinar rumo ao desenvolvimento das Múltiplas Inteligências. Ed, Érica. São Paulo 2004

SAMPIERI, Roberto Hernandez. Metodología de la Investigación. Tercera Edición. McGraw-Hill. México. p.65. 2003.

https://pt.unesco.org/fieldoffice/brasilia Retirado em 20 de maio de 2020.
https://revistapesquisa.fapesp.br/2018/11/19/pela-sobrevivencia-das-linguas-indigenas/ Retirado em 18 de maio de 2020.
https://www.em.com.br/app/noticia/tecnologia/2016/05/15/interna_tecnologia,762725/linguas-indigenas-correm-risco-de-desaparecer.shtml Retirado em 18 de maio de 2020.
https://www2.camara.leg.br/legin/fed/lei/2008/lei-11645-10-marco-2008-572787-publicacaooriginal-96087-pl.html Retirado em 20 de maio de 2020.
Publicado
2020-06-12