FATORES DIDÁTICOS QUE INTERFEREM DIRETO OU INDIRETO NO ENSINO APRENDIZAGEM DA MATEMÁTICA DO ENSINO FUNDAMENTAL

  • Raimundo Nonato Coutinho Universidad Tecnológica Intercontinental
  • Ana Christina de Sousa Damasceno Universidad Tecnológica Intercontinental
  • Christiana de Sousa Damasceno Universidad Tecnológica Intercontinental

Resumo

A temática escolhida para esta pesquisa refere-se aos fatores didáticos que poderão interferir de maneira direta ou indireta no ensino-aprendizagem da matemática, esta investigação surgiu da necessidade de compreender os meios e a ação pedagógica referente aos índices de aprendizagens em larga escala. Traz um breve relato em relação à rotina pedagógica estruturada da rede pública de Sobral-Ce. Portanto, este artigo visa proporcionar aos profissionais da educação uma melhor compreensão da ação de ensinar interligados a fatores que poderão influenciar na prática pedagógica. A principal metodologia deste trabalho é o cruzamento de informações teóricas e práticas em relação ao ensino, perceber se a não aprendizagem matemática está relacionada à didática, ou problemas patológicos que requerem olhar especializado. Confrontar a realidade do ensino de matemática, sendo esta relacionada à exatidão e a suma importância no dia-a-dia pessoal e profissional, percebe se ainda o avanço tecnológico onde a compreensão numérica se apresenta logo na educação infantil. Os dados das avaliações em larga escala mostra que precisamos melhorar (SAEB[1], ANRESC[2]e Prova Brasil), que vem apresentando os índices de aprendizagens matemática nacionais ainda com baixo nível de proficiência. Portanto, na composição desta pesquisa serão utilizadas concepções de autores, como: GARDINETTO (1999), GOLEMAN (1995), LUCKESEI (1986), MEKSENAS (1988), MIRA (1998), PERRENOUD (1998), SEQUÊNCIA FEDATHI (2013), SOUZA (2008) E VITTI (1995), autores com forte influencia na pesquisa e na formação profissional de cursos de licenciaturas por trazer uma abordagem do processo de didática na prática pedagógica. Confrontar a deficiência na aprendizagem matemática com a relação social dos indivíduos ou mesmo os meios de ensinos inadequados. Para melhor compreender a teoria e prática educacional será preciso uma investigação profunda, embasada em meios científicos, este artigo nos permite iniciar esta busca para compreender a relação da aprendizagem com a didática no ensino de matemática.

Palavras chaves: didática, ensino-aprendizagem e matemática.

 

 

 

                                                                                                                                            

Publicado
2019-02-17