VIOLÊNCIA ESCOLAR

  • Ana Leticia Aquino Arrúa Universidad Tecnológica Intercontinental
  • Ângela Souza Sales Universidad Tecnológica Intercontinental
  • Francisca Maria Portela Peres de Holanda Universidad Tecnológica Intercontinental
  • Gutemberg Germano da Silva Universidad Tecnológica Intercontinental
  • Izaqueu Chaves de Oliveira Universidad Tecnológica Intercontinental
  • Suely Dantas de Oliveira Moura Universidad Tecnológica Intercontinental

Resumo

O presente artigo tem como propósito analisar a violência ocorrida no ambiente escolar ante o comportamento de crianças e adolescentes, vez que a temática é bastante relevante, pois interfere diretamente na aprendizagem, bem como na qualidade de vida desses sujeitos de direitos. As fontes utilizadas são formadas por uma escolha de documentação direta e indireta, apresentando-se, por meio de pesquisa bibliográfica em livros, revistas especializadas, internet e legislação específica, tudo em conformidade com o caminho percorrido. É dever de todos oferecer o convívio salutar e harmônico de crianças e jovens, seja na escola ou na família preparando-os para a sociedade de um modo em geral, tornando-os pessoas com laços de afetividade, e, sobretudo, com dignidade humana.  Na pesquisa foram abordadas as formas de violência escolar, os fatores de risco que contribuem para o surgimento da violência escolar, bem como as consequências da violência escolar.

 

Palavras-chave: Violência escolar. Crianças e adolescentes. Responsabilidade. Fenômeno Social.

Publicado
2019-02-23